Arquivo da tag: fotografia

Escambo fotográfico

Nada mais sem graça do que tirar fotos para deixá-las guardadas nas gavetas. Para quem não é fotógrafo profissional (e para quem é também, pela diversão), o Museu da Imagem e do Som (MIS) promoveu mês passado o evento Foto Escambo, que pode servir de inspiração para outras galerias e espaços culturais.

Um varal montado no Museu ficou livre para amadores e profissionais escolherem a foto que mais lhes agradava, deixando uma de autoria própria no lugar da que fosse retirada. Cada participante pôde levar até cinco fotografias, no tamanho mínimo de 20 x 30 cm.

O autor de cada fotografia só foi revelado ao fim do evento, no blog Fotoescambo.com, criado para o projeto.

Imagem

Em época de fotos digitais, não dá nem aperto no coração levar as fotos preferidas pra trocar. Não se perde nada, apenas se soma.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Um novo título

Já tentou juntar os livros que tem em casa e colocá-los em uma ordem com que os títulos formem uma nova frase?

A  americana Nina Katchadourian começou ainda em 1993 o projeto Sorted Books, passando de bilbioteca em biblioteca rearranjando livros. O resultado são frases inteligentes, instigantes ou que simplesmente fazem rir.

“Atores e atrizes”
“Pessoas da mentira”
“Negociando pequenas verdades”

“Arte primitiva”
“Apenas imagine”
“Picasso”
“Criado por lobos”

“Assim como é”
“Andando em círculos”
“Qualquer lugar que vá, lá estará”

Fiquei tentada a fazer o mesmo com meus livros também…

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Um gigapixel de leitores

Um robô-fotógrafo faz milhares de fotos durante o jogo. Posteriormente, essas fotografias são montadas numa única e gigantesca imagem final, medida em gigapixels (1 gigapixel = 1 bilhão de pixels). Está formada a Megafoto, uma imagem que está atraindo leitores para o site do Globoesporte.com e se espalhando pelo Facebook.

O leitor, ao utilizar o zoom e se localizar na foto, pode capturar a imagem e compartilhar em seu perfil do Facebook. Conforme as pessoas vão fazendo as marcações, o número de pessoas marcadas e um pequeno perfil aparecem na imagem geral. Com a possibilidade de marcar os amigos, a brincadeira vai se espalhando.

A ideia, que começou a ser utilizada no site em uma matéria da final do Campeonato Paulista, em maio, tem crescido rapidamente. De acordo com a página da Megafoto no Facebook, o jogo “Flamengo x Vasco”, em 30 de janeiro, teve 1.724 visualizações, enquanto o “Fluminense x Boavista”, em 19 de março, teve 9.691 visualizações.

Não tenho dúvidas que a Megafoto do jogo Brasil x Romênia, divulgada no Globoesporte.com, já ultrapassou esse número. Até agora (13/6, de noite), já são quase mil marcações.

Quem esteve no jogo e quiser se achar também, é só clicar aqui e começar a busca.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Do tamanho da lua

O que eu acho o máximo em brincar com proporções é que você cria uma visão de um ponto de vista diferente, e olhar de outro ponto de vista muda TUDO.

Ponto para a criatividade do fotógrafo francês Laurent Laveder:

Mais fotos por aqui. Aliás, quem quiser comprar as imagens, tem nesse mesmo site também.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Decifra-me ou não te devoro

O trocadilho foi inevitável para falar do aplicativo que a empresa japonesa NTT está desenvolvendo: um programa que diz quantas calorias tem seu prato, apenas por uma foto.

Basta tirar uma foto da comida com o celular e, pela cor e formato, ela é identificada em uma base de dados e tem o número de calorias calculado.

Confesso que não estou botando muita fé na precisão desse app, mas que a idéia é boa, é.

Na mesma linha, e já funcionando,o iPest1, desenvolvido pela Universidade da Flórida, utiliza o mesmo processo de identificação por foto para dizer que bicho é aquele asqueroso que apareceu na sua casa. O aplicativo traz foto e texto explicativo das 40 espécies mais comuns de pestes. Compatível com iPhone, custa $1.99.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Entre guerras e garfos

“Dr. Strangelove Dr. Strangelove, 2003-2006” é a obra de Kristan Horton, na qual cenas do filme Dr. Strangelove, de Stanley Kubrick, são reproduzidas com objetos cotidianos.

Uma maneira inteligente, e com humor/sarcasmo, de representar (e pensar) cenas de guerra…

© Kristan Horton

© Kristan Horton

© Kristan Horton

As fotos de Kristan Horton estão expostas no Art Gallery of Ontario, até 02/01. Elas são parte do The Grange Prize, prêmio de arte contemporânea que Kristan disputa com outros 3 artistas. É possivel votar online aqui!

 

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized