Arquivo da tag: tablets

Traz a máquina do Visa?

Essa frase – com as variações para MasterCard e American Express também – está ficando no passado.

A Cielo lançou, ainda no final do ano passado, um esquema que muita gente não deve conhecer: o pagamento por iPhone, iPad, iPod Touch ou Smartphone com o sistema Android.

O aplicativo Cielo Mobile transforma o celular ou tablet na própria máquina de pagamento da Cielo:

Tendo baixado o aplicativo e feito um cadastro junto à Cielo (com taxa mensal de R$9,90), o profissional só precisa digitar no aparelho o valor da transação e o número do cartão do cliente. Ao finalizar o pagamento, pode já enviar o recibo para o e-mail da pessoa.

A Cielo garante que toda transmissão de dados pelo telefone é criptografada, o que protege as informações digitadas. Se algo der errado, também é possível estornar o pagamento no próprio aplicativo.

A ferramenta, útil principalmente a profissionais liberais, funciona com as principais operadoras de telefonia celular (Claro, Vivo, TIM e Oi) e em todo território nacional. O download do aplicativo e mais informações de como se cadastrar estão aqui.

Não é exatamente o tipo de pagamento por mobile que se faz em outros países, em que um dispositivo no próprio celular o faz ser utilizado como um cartão, mas, por hora, é uma solução genial para profissionais liberais e para a comodidade de nós, clientes. Não?

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Arte (móvel) tecnológica

Tecnologia é o princípio que move o uso de tablets, como iPad e afins.  Mas, com uma tela expandida e touch-screen, as possibilidades de arte e de jogos no aparelho não são poucas. Tanto que o File (Festival Internacional de Linguagem Eletrônica) criou este ano uma divisão específica para os aparelhos, o File Tablet.

Entre as criações para tablets estão:

Singing Fingers, de Jay Silver e Eric Rosenbaumem, em que você cria imagens coloridas enquanto ouve uma música ou canta e, em seguida , pode “tocar” ou “remixar” suas imagens com um ou mais usuários.

Mugician, de Rob Fielding, simulador de uma guitarra-baixo, que pode também, para mais efeitos, ser utilizado junto a uma amplificador de guitarra.

Gravilux, de Scott Snibbe, que permite desenhar um céu estrelado no tablet, em um mix de pintura, animação, arte, ciência e jogo. A ferramenta permite competição entre usuários e o upload para o Facebook.

Para quem quiser ver “ao vivo”, o File acontece de 19 de julho a 21 de agosto, no prédio da Fiesp, na Av. Paulista, em São Paulo.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Novas narrativas

Quantas vezes jornalistas e escritores pensam em uma maneira diferente de contar uma história? (Dizer que não segue o lead, obviamente, não vale.)

O livro O Bom Inverno, de João Tordo, levou o texto para o Facebook. Na página Fbooks, você só precisa “curtir” o narrador e os personagens do livro para seguir a história.

Como se eles fossem pessoas reais, publicam seus “diálogos” e também compartilham onde estão, o que estão fazendo.

Quem ficar perdido com as 100 atualizações no Mural pode seguir a história nos resumos diários postado na página do Fbooks.

O escritor podia aproveitar melhor os recursos do site para compartilhar links, músicas, enquetes, tudo o que ajuda a “definir” a personalidade dos personagens. Mas, ainda assim, é um passo interessante para quem gosta de escrever.

Como próximo passo, já parou para pensar em narrativas para tablets, iPads e afins? Quantas possibilidades estão abertas e como as estamos aproveitando?

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized