Arquivo da tag: wikipédia

Confia ou não?

Português é a sétima língua mais falada por usuários da Wikipédia, que dedicam 399.961 views/hora à enciclopédia. Considerando as sete línguas mais faladas pelos usuários, os de língua portuguesa estão em terceiro lugar em views por hora e em número de artigos – mais de 660 mil.

Ainda hoje, saiu uma notícia no UOL dizendo que a maior editora da Wikipédia entre os países de língua portuguesa é uma brasileira. (Aliás, como brasileiros amam redes sociais, a notícia, publicada às 7 da manhã, foi, até as 21h, twitada 241 vezes e recomendada pelo Facebook outras 298 vezes.) A maior editora do site é formada em comunicação visual, mas edita artigos sobre assuntos diversos.

Acho a Wikipédia uma das invenções do século, sou defensora árdua, mas, ao mesmo tempo, não sei dizer o quanto de deserviço ela tem proporcionado. Entre tantos usuários, quantos têm olhar crítico? Quantos param para pensar quem editou, com que conhecimento e com que intenções, cada um dos textos do site? Quanto VOCÊ confia na Wikipédia?

 

Ps. Google Trends mostra uma queda considerável de acessos ao site nos últimos meses. Seria o brasileiro ficando desconfiado e buscando fontes mais precisas?

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Revista + Design + Colaboração + Wikipédia

A revista Good.is, em sua edição sobre “vizinhança”, conseguiu criar uma interação interessante entre o papel e o online. Uma seção já colaborativa, onde designers e ilustradores foram convidados a estampar bandeiras dos arredores de onde vivem, foi transposta para o site da revista (ou para a revista do site, porque os dois tem pesos semelhantes) com links para conteúdo externo ao produzido por eles.

As informações do artista e do local a que se referem aparecem ao passar o mouse sobre as bandeiras, e, ao clicar em cada uma delas, abre uma página da Wikipédia correspondente ao local.

Uma maneira esperta de otimizar a produção de mais textos sobre esses locais. Ao mesmo tempo, a dúvida se vale a pena a revista dar credibilidade (e sua marca) para um conteúdo que pode ter sido feito, refeito e modificado, longe dos critérios jornalísticos.

Ps. O Good.is também vale a visita pelas reportagens, pelo formato do site (e usabilidade) e pela seção Transparency, só de infográficos.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized