Arquivo do mês: março 2011

Compre passagem para 1 destino, conheça 4

Você compra uma passagem ida e volta pra um destino e pode escolher até outros três para conhecer na mesma viagem. Não sei desde quando essa prática existe, mas achei uma ideia genial da TAM. Chamado Giro TAM, o programa tem voos, nesse primeiro momento, com origem nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador e Belo Horizonte.

A empresa não gasta muito mais por isso, porque a pessoa está fazendo apenas rotas alternativas para chegar no mesmo destino, e o cliente.. bom, ganha e muito, não?

Um exemplo no site: comprando ida e volta São Paulo-Fortaleza, você pode parar em Salvador, Recife e Natal, pagando apenas o preço São Paulo-Fortaleza e as taxas de embarque dos aeroportos envolvidos.

O site ainda tem uma seção bacana chamada Crie seu Giro TAM, que ajuda a traçar a melhor rota entre as 4 cidades que você tenha mais vontade de conhecer.

Contras: tem que comprar pelas lojas ou call-center TAM e não vale usar os pontos do programa de fidelidade.

Vontade de viajar já!

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Maçã: -80 calorias

Quando você come uma maçã, gasta mais calorias para fazer a digestão do que as calorias que ela possui. A maçã é um alimento de “calorias negativas”, parte de uma lista com pelo menos 27 outros itens.

Nada comprovado, mas não é genial a ideia de comer enquanto perde calorias?

Essa dieta, publicada nos Estados Unidos como The Negative Calorie Diet, em 1997, parte de uma premissa simples, a de que alguns alimentos proporcionam menos calorias do que é gasto para digerí-las, ou seja, têm um efeito calórico negativo. A conta é feita de acordo com o quanto o alimento exige de calorias para ser mastigado e digerido pelo organismo.

Digo de novo: nada comprovado. Mas quem quiser adicionar alguns dos itens abaixo à dieta, no lugar dos lanches calóricos de meio da tarde, mal não vai fazer.

Hortaliças com efeito calórico negativo

aspargo
couve-flor
cebola
pepino
chicória
brócolis
repolho
espinafre
pimenta vermelha
salsão
cenoura
alface
nabo
abobrinha
beringela

Frutas com efeito calórico negativo

melancia
papaya
morango
mexirica
amora
limão
pêssego
cassis
ameixa
goiaba
melão
framboesa

É bizarro, mas eu juro de pé junto que sempre que como maçã me dá fome. Pra mim, a descoberta fez todo sentido.

42 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Centésimo gol, 100% de lucro

São-paulinos ou não, reconheçam: o SPFC é exemplo de marketing esportivo.

A criatividade para vender camisas, iniciada com a 4-3-3 – que comemorava, fazendo referência ao esquema tático, os campeonatos ganhos pelo time – agora dá lugar a outras duas opções bem pensadas.

A camisa LFC traz as iniciais de Luís Fabiano Clemente, que retorna ao time, em logo que faz alusão ao UFC, o maior campeonato mundial de artes marciais. E o centésimo gol de Rogério Ceni ganha kit especial com duas camisas, vendidas em embalagem que imita um livro, pela história que o jogador fez no time.

Das lojas ao meio online… O SPFC conseguiu também se diferenciar em seu site, Saopaulofc.net. Na seção Interativo, rádio, vídeos, ringtones e duas iniciativas diferentes. Uma, o Craque do Jogo, em que o torcedor envia SMS elegendo o destaque da partida; aqueles que escolherem o jogador mais votado participam de um sorteio para ganhar camisa oficial e entregar um prêmio oferecido pelo São Paulo nas mãos do jogador. A outra, o jogo Convoque seu Time, que o próprio nome explica:

E uma graça a mais: enquanto você espera o jogo carregar, pode usar o mouse (e a barrinha clássica de “página carregando”) para fazer embaixadinhas tricolores:

3 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Apague a luz

Uma ideia diferente da construtora Rossi para chamar clientes e funcionários a participarem da Hora do Planeta –  apagando todas as luzes no dia 26/3, das 20h30 às 21h30.

O site mundoquevocevive.com.br foi criado para a data, incentivando a participação. Todos que entram no site apagam o interruptor e, então, podem escolher uma janela para publicar seu nome, assinando sua participando na ação.

A interatividade me fez prestar atenção à data, e memorizar o dia para participar fora do mundo virtual também.

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Tem um projeto? E dinheiro?

A Natália Garcia, jornalista preocupada com o futuro do planeta, bolou um projeto: viajar por 12 cidades do mundo durante um ano para tentar responder a pergunta “Como tornar uma cidade melhor para seus habitantes?”

Um ano morando fora, pagando transporte entre as 12 cidades e sem nenhuma fonte de renda nesse período. Parecia impossível, mas não foi.

A jornalista descobriu o Catarse.me, uma plataforma de financiamento que arrecada fundos para projetos no esquema de crowdfunding – uma multidão de pequenos financiadores compra cotas a partir de R$10 e ganha recompensas. O resultado: R$ 25.765 arrecadados, com apoio de 284 pessoas.

Como funciona?

Para quem tem um projeto na manga, o Catarse seleciona projetos criativos, de maneira geral. Você envia seu projeto, diz quanto precisa e até quando quer arrecadar este dinheiro. Se, até o prazo escolhido, você tiver atingido o valor que precisa, recebe o dinheiro. Se não, todo mundo recebe o dinheiro de volta.

Entre os projetos que se deram bem, há projetos de dança, design, web e jornalismo, além do projeto bacana do Ajude um Repórter, que deve em breve estreiar uma nova plataforma, com mais serviços, interesses segmentados e privacidade aos usuários.

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Conhecimento, grátis aqui

Cursos de graça, online, realizados por grandes universidades do mundo estão disponíveis no OpenCourseWare (OCW). O site é uma plataforma que organiza cursos online de instituições de todo o mundo, sem qualquer custo e em diversas áreas.

Procurando por communication, em língua inglesa, por exemplo, são 393 cursos disponíveis. Entre as opções de universidades estão: University of Michigan, Massachusetts Institute of Technology, Universidad Politécnica Madrid e University of California.

Bom que, entre tantas opções, ao buscar no site o tema de interesse, uma lista mostra os detalhes de cada curso e os classifica em um ranking de relevância.

Em português, as melhores opções são os cursos da Fundação Getúlio Vargas/ FGV Online, separados nas áreas de Sustentabilidade, Metodologia e áreas variadas de conhecimento, com carga horária de 5 a 15 horas. Não é necessário se cadastrar para acessar os cursos. No entanto, fazendo o login no site, a FGV disponibiliza uma declaração de conclusão para aqueles que obtiverem média igual ou superior a 7,0 no teste feito ao fim do curso.

Participam também do projeto outras cinco faculdades brasileiras (algumas em fase de implantação): Escola Superior de Administração e Gestão, Universidade do Sul de Santa Catarina, Universidade de Sorocaba, Universidade Federal de Juiz de Fora e Universidade Federal Rural de Pernambuco.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Criatividade prática

Ser criativo no mercado de trabalho atual é quase obrigatoriedade. Mas como? Quando? Fazendo o que?

Gostei da idéia da jornalista Mônica Martinez de falar sobre o tema de uma maneira prática, linkando história, pesquisa, mas trazendo a criatividade para o dia-a-dia do leitor.

Tive uma ideia! – O que é criatividade e como desenvolvê-la, que é lançado no próximo mês pela Paulinas Editora, tem entre seus capítulos O Passo a Passo da Criatividade, O Processo Criativo e Perfis Criativos. “O livro é fruto de pesquisas sobre o assunto desde 1999”, explica Mônica.

E se o livro incentiva a criatividade, tem jornalista já  seguindo as dicas publicadas. Em vez de cobrir um lançamento como esse no mesmo padrão texto + foto da capa do livro, como 99% da imprensa faria, a repórter Ligia Aguilhar, do Estadao.com, apresentou mais. O texto foi acompanhado por um teste de perguntas e respostas, feito a partir das afirmações do livro – para fazer o teste, clique aqui.

Também achei interessante o release de lançamento descrever que o livro “expõe as razões pelas quais é difícil mudar padrões e rotinas”… Já parou para pensar que pode ser exatamente na quebra de um padrão, não necessariamente em uma ideia nova ou revolucionária, onde mora a criatividade?

 
+ Para quem quiser conhecer melhor os textos da Mônica (que aliás, obrigada!, foi minha orientadora na pós) o Narrativas de Viagem é um dos blogs da autora.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized